Paulo Câmara diz que demissão de Cid Gomes agrava crise nacional

Share this...
Share on Facebook0
 

Ao chegar, em Floresta na manhã de hoje, (19/03), para abertura do seminário “Todos por Pernambuco”, em sua quarta etapa, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que o episódio ontem na Câmara dos Deputados, envolvendo o bate-boca do ex-ministro da Educação Cid Gomes com os deputados, o que acabou provocando sua demissão, só agrava a crise nacional.

Para o governador, Cid Gomes foi intempestivo e infeliz no trato com a Câmara dos Deputados. Câmara lamentou, entretanto, a saída do ministro porque acreditava que ele iria fazer um bom trabalho pela educação no País.

O governador recordou a vinda de Cid Gomes a Pernambuco para conhecer experiências de sucesso na área de educação, ressaltando que, naquela ocasião, ficou com as melhores impressões do ministro e sobre o seu trabalho.

Ele lembrou ainda, que quando foi prefeito de Sobral, Cid Gomes fez um excelente trabalho na educação que vai servir de modelo pra Pernambuco. Ele disse que nos próximos dias o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio, irá até Sobral conhecer de perto as experiências que deram certo na educação quando Cid foi prefeito.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro